sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Avatar

MAGREZA OU BELEZA?

Olá leitores,
hoje pretendia escrever sobre algo mais bem humorado, no entanto acabei pesquisando demais sobre o tema "magreza", e o artigo se tornou super sério.
Espero que afete vocês da mesma forma que me afetou, e que possamos mostrar para as futuras gerações o que realmente significa beleza.

Então vamos lá:
Definição da palabra "Beleza" = s.f. Qualidade do que é belo: a beleza do rosto. / Harmonia, perfeição de formas: mulher de grande beleza. / Mulher bela: casou-se com uma das belezas da terra. / Bondade, excelência.
Definição de "Magreza ou Magro" = adj. Que não tem muita gordura: galinha magra. / Que não contém carne nem gordura: alimentos magros. / Pouco abundante: refeição magra. / Pouco fértil: terra magra. /
Vocês conseguem relacionar uma palavra a outra?
Já que magreza é não conter carne nem gordura e beleza compreende harmonia nas formas, bondade e excelência. Porque nossa sociedade passou a encarar o magro como belo? Afinal o magro, antigamente, significava saúde debilitada.
Gostaria de ver junto com vocês alguns casos em que mulheres conectaram estas duas palavras e acabaram vítimas de doenças como anorexia nervosa, bulimia e outros transtornos alimentares.
Abaixo mostrarei fotos de pessoas que emagreceram para atingir o biotipo "considerado" perfeito. Não posso afirmar que nenhuma delas realmente tenha algum tipo de transtorno alimentar, pois não sou médica nem pretendo as rotular sem conhecer nada a respeito de suas vidas.

Esta é uma mulher que trabalha como personal fashion stylist para conhecidas celebridades, ela se chama Rachel Zoe e já deu várias declarações dizendo que "não se acha magra".
Acho que esse é o momento de intervir e buscar ajuda, já que a pessoa passou a se enxergar de forma distorcida.
Qualquer médico diria que ela está magra demais.

Megan Fox
considerada extremamente bela e sexy (pela mídia). Vocês podem acompanhar a transformação desta mulher jovem ao longo dos anos (esquerda para direita) e perceber que seu corpo foi se tornando quase esquelético.
Sei que sobre a Megan eu poderia escrever um post inteiro, basta considerar a quantidade de intervenções cirurgicas que ela supostamente se submeteu. Mas prefiro focar apenas no assunto do nosso post.
Ela ficou mais bela?
Lindsay Lohan
Foi a querida da Disney por muito tempo e tinha um futuro brilhante pela frente, até que sua vida virou de cabeça para baixo e ela se tornou a "garota problema" de Hollywood.
Não sabemos ao certo todos os problemas que ela precisou enfrentar, mas podemos dizer que a levaram a emagrecer em excesso. E sim, ela também vive em busca da beleza que a levou com certeza a doença. Ela está bela? NÃO! Está doente e precisa de ajuda.
Teri Hatcher
A namorada do super homem no seriado, lembram? Sempre foi uma mulher linda com um olhar super sensual. Mas a impressão que passa é que a medida que ela foi ficando mais velha começou a travar uma batalha contra um excesso de peso que não estava lá.
Ela é linda, independente da idade que tenha, mas aparentemente também foi sugada pela febre das super magras.
Nicole Richie
Essa menina ficou doente mesmo, era tão óbvio e muito chocante ver as fotos dela tão magra. Felizmente conseguiu de alguma forma se recuperar e hoje tem uma vida saudável e filhos lindos. Ela não deixou de ser magra, isso é verdade, mas parece que agora está com a saúde restaurada...ou isso será um engano nosso? Difícil saber, as vezes os sintomas dos transtornos alimentares podem ser mais sutis em algumas pessoas. 
Kate Bosworth
Foi a mais nova Lois Lane no cinema e também tem uma carreira muito promissora. Só não entendo como ela pode emagrecer tanto e não perceber isto. Como ela deve se ver no espelho?

Li uma matéria bem interessante na internet e resolvi postar partes dela para vocês.
É interessante ler para entenderem pouco mais sobre estes tipos de doenças.
Blog é muita leitura e não só figura...

Autoras: Simone Serpa e Isabela Leal
Que atire a primeira pedra a mulher que não quer perder uns quilinhos... Tudo bem, isso é uma unanimidade, mas será que é necessário? Quando esse desejo é exagerado, sinaliza um problema de distorção da própria imagem que pode se transformar em distúrbios psicológicos que resultam em doenças fatais.
A magreza tem limite e cada pessoa deve descobrir o seu ...
É preciso avaliar diversos aspectos
As meninas chegam aos consultórios dos especialistas com deficiências nutricionais graves. Elas querem emagrecer além do limite saudável e para isso param de comer radicalmente. Elas apresentam queda de cabelo, unhas fracas, problemas de pele, perda de massa muscular e flacidez, liberação de radicais livres e envelhecimento.
IMC: um critério relativo
O indice de Massa Corporal é uma fórmula indireta que relaciona o seu peso com a sua altura, e serve para verificar se está acima do peso desejado, ou até se tem algum tipo de obesidade. O criador desta formula foi o Belga Adolphe Quelet(1796-1874) , é ainda utilizado nos dias de hoje. Pode ser usado para ambos os sexos, desde que adultos.
Conheça o cálculo, mas não pense que é o ponto final.

“Em regras gerais, se o IMC for abaixo de 18% indica magreza; entre 18% e 25% sinal de normalidade; acima de 25% caracteriza a obesidade”, esclarece a nutricionista Amélia Duarte. Porém, por avaliar apenas o peso corporal total, esse índice pode encobrir erros de diagnóstico. “Para saber se uma pessoa está realmente magra demais é preciso analisar outros componentes, o quanto ela tem de massa gorda (tecido adiposo), de massa magra(composta pelos músculos, órgãos, ossos e os líquidos corporais) e também sua ossatura e características hereditárias.” O psicólogo Tommaso denomina essas variáveis como fatores de relatividade: “Gisele Bündchen, com aproximadamente 17% de IMC, é saudável. Assim como o boxer americano Mike Tyson não é obeso com 31% de IMC. É tudo uma questão de biotipo”, ressalta ele.





O psicólogo Marco Antonio de Tommaso aponta alguns dos sintomas das doenças mais graves:
BULIMIA
• Indução de vômitos provocados por objetos introduzidos na garganta, como o cabo da escova de dente ou mesmo o dedo
• Uso de laxantes e diuréticos sem prescrição médica
• Ingestão exagerada de alimentos (geralmente provocada por dietas rigorosas anteriores) em curtos períodos de tempo sem o aumento correspondente do peso corporal
• Apresentar comportamento obsessivo-compulsivo, como distúrbios depressivos de ansiedade e ainda acessos de auto-mutilação
• Praticar exercícios físicos de maneira compulsiva

ANOREXIA
• Estar sempre ausente das refeições familiares
• Preocupação excessiva com o valor calórico dos alimentos
• Pele extremamente seca e coberta por pelinhos finos e longos (como a barba de milho)
• Alteração do ciclo menstrual regular – ocorre ausência de menstruação e diminuição das características femininas
• Perda exagerada de peso em curto espaço de tempo, sem nenhum motivo concreto
• Apresentar comportamentos obsessivos-compulsivos como depressão
• Visão distorcida do próprio corpo. Apesar de estar magérrima, a pessoa se enxerga bem acima do peso.
• Atividade física intensa e desmedida
• A pessoa se entrega a um isolamento social

Para finalizar gostaria que vocês conhecessem uma modelo anoréxica. Isto mesmo, ela diagnosticou o problema aos 13 anos e a partir daí tornou-se um ícone na batalha contra os disturbios alimentares. Não existe foto dela antes da doença, pois sua vida toda teve que conviver com ela.
Isabelle Caro, modelo francesa despontou na mídia em 2007, durante a campanha "No Anorexia" da marca italiana Nolita, mostrando seu corpo magro para alertar sobre o impacto da anorexia na vida das pessoas.
Infelizmente ela não venceu sua própria batalha e faleceu devido a uma pneumonia aos 28 anos.
Mas ela deixa a figura da coragem na luta contra estas doenças. Que o futuro preste atenção nela.

A campanha que Isabelle fez contra a anorexia:
Peço a vocês leitores que não encarem este post como algo negativo e sim como um alerta para que, talvez, em algum momento nó possamos ajudar pessoas com estes distúrbios, ou melhor ainda, detectar logo o problema. BULIMIA E ANOREXIA tem cura!

E LEMBREM-SE:
GORDINHA SAUDÁVEL= ÓTIMO! CONTINUE ASSIM!
MAGRINHA SAUDÁVEL= MUITO BEM! MANTENHA A SAÚDE!

Um grande abraço da Tita

10 comentários:

Princesa Bazar disse...

Eu tinha uma amiga que tinha Bulimia. Descobri por um acaso, um dia no restaurante, onde ela saiu da mesa no meio da refeição e quando retornou, vi que ao redor da sua boca estava meio vermelha e aí que percebi que ela havia ido ao banheiro para vomitar e voltar a mesa para comer mais. :(
Bjus... Ana
http://princesabazar.blogspot.com/

klessa disse...

Oi
Linda
Esse negócio de que magreza é sinônimo de beleza realmente está por fora. A mais bela de todas é a Megan Fox com certeza! Linda!
Excelente matéria
Beijos
klessa's Moda & Cia

Lulitas disse...

Muito bom post Tita! É sempre bom alertar as meninas dos perigos dessas doenças derivadas da vaidade excessiva.
P:S.: Estou te devendo uma resposta do seu email... não esqueci não, viu?!!!;-)
Só ando correndo mesmo....
Bjs

Olívia Palito disse...

acho q essa é a doença da "mulher moderna"... é impressionante como tem gente q se arrisca aos limites do proprio corpo e da saude pra ter um corpo "impecável", tomando remedios de todos os tipos, sem se preocupar em comer direito...
eu sempre fui magra, nasci beeem magrela mesmo e achava horrivel...depois q engordei vi como é bom ter um corpo normal... isso nao significa que tenho um corpo perfeito nao! tenho minha barriguinha, mas nem por isso penso em voltar ao que era antes... e eu nem era doente! vi uma pessoa falando sobre isso em outro blog tambem e acho super válido o aviso! minha sogra sempre diz: tudo que é demais é veneno!
bjos meninas
Pri

Deise Matos disse...

sem coments.. as imagens já dizem...

mas ainda fico impressionada com mulheres antes lindas como as de cima se veêm bonitas com esses corpos assustadores... pq é assustador!

acho que é legal ter um corpo torneado, com curvas... mas com carne, né? rss!! esqueleto assim...

**Love Laces** disse...

Mas o pior e, quem conhece alguém com disturbios
alimentares sabe como a doença é difícil e,
atinge toda família.
Bj

Coisas de dondoca disse...

Olha, esse post é um dos mais legais que já li por aqui, pois trata de questões que, para muitos, são vistas somente como estéticas, mas que na verdade podem revelar doenças sérias , como a bulimia e a anorexia, que levam à morte. O mais interessante é que as pessoas doentes se enxergam gordas, quando na verdade , já estão feias e esqueléticas. As fotos da Megan Fox me impressionaram muito. Acho sim que devemos nos cuidar, nosso corpo é nosso templo, mas os excessos e a ditadura da magreza fazem com que as pessoas percam a noção ! Um beijo!

Fábrica dos Convites disse...

Fiquei chocada com as fotos, moças tão lindas que agora neste estado. Qie fique o alerta desta postagem para que as mulheres percebam o que é belez e o que é doença e fiquem espertas para não cair neste problema. Bjs, Rose:D

Tita Leke disse...

Adorei os dizeres:
"Tudo que é demais é veneno"
"nosso corpo é nosso templo"
concordo com ambas afirmações...Cuidem de vocês e de seus familiares, amigos...acho que nós também podemos ajudar pessoas que sofrem de disturbios alimentares, principalmente de notarmos logo e dermos apoio a elas.
Grande beijo da Tita

Ambiente Bazar disse...

Fiquei chocada com as fotos, moças tão lindas que agora neste estado. Qie fique o alerta desta postagem para que as mulheres percebam o que é belez e o que é doença e fiquem espertas para não cair neste problema. Bjs, Rose:D

Concordo com o comentário da Rose faço das palavras dela as minhas !!

Postar um comentário

Dicas: Procurem comentar quando estiverem logadas. Lembrando que as top comentaristas do mes terao seus banners divulgados no blog.

Related Posts with Thumbnails

Minha lista de blogs